Cifra Rosas Brancas

Letra e Música: Afonso de Sousa

Cifra: Diogo Mendes

Rosas Brancas Acordes 1
Rosas Brancas Acordes 2

VERSO (x2)

                  Am          F                    E

Quando eu morrer, rosas brancas

    Dm               E                   Am

Para mim ninguém as corte!

 

REFRÃO

               A                             Dm

Quem as não teve na vida,

           G                                      C            E

De que lhe servem na morte?

                  Am          F                    E

Quando eu morrer, rosas brancas

    Dm               E                   Am

Para mim ninguém as corte!

 

VERSO (x2)

                  Am          F                      E

Quando eu morrer, nem sequer

       Dm              E                  Am

Na campa uma cruz erguida!

 

REFRÃO

      A                          Dm

Para calvário já basta

        G                                C            E

A cruz que levo na vida

                  Am          F                      E

Quando eu morrer, nem sequer

       Dm              E                  Am

Na campa uma cruz erguida!

Introdução

|: D- | A- | E | A- : |

Verso

| : A- F | E | D- E7 | A- : |

Refrão

| A A7 | D- | G G7 | C E7 |

| A- F | E | D- E7 | A- |

 

Os acordes estão para Guitarras Portuguesa e Viola de Acompanhamento afinadas na afinação de Coimbra, isto é, um tom abaixo do tom real.

logo-escola-de-fado-coimbra-full_black

Copyright Diogo Mendes | Escola de Fado © 2020
www.escoladefado.pt
Todos os direitos reservados